• Mattoso

ALT e AST



📍As aminotransferases (ALT e AST) são enzimas intracelulares que têm por função a transferência de grupos amino durante a conversão de aminoácidos a α-oxo-ácidos.


📍Ambas são encontradas no citosol celular enquanto a AST também possui uma isoenzima mitocondrial.





🚨Atenção: Níveis mais altos de atividades enzimáticas nem sempre indicam lesão mais grave.

As células mortas liberam todas as suas enzimas e não produzem mais, já as células lesionadas perdem apenas uma porção e continuam a produzir enzimas.

📍Assim, a magnitude da atividade enzimática não é um indicador confiável do tipo ou grau de lesão.



📚ALT


🐶🐱Em cães e gatos, as concentrações mais altas de ALT ocorrem nos hepatócitos.


📍No entanto, ALT não é totalmente específica do fígado.

Músculos esqueléticos com danos ou doenças severas podem aumentar a atividade de ALT sérica.


📍Para excluir a causa muscular, preconiza-se a mensuração de CK (creatina quinase), que é uma enzima específica do músculo.


🐴🐮Cavalos e ruminantes têm baixa concentração de ALT em hepatócitos: a atividade ALT não é útil para detectar doenças hepáticas nessas espécies.



📚AST


📍A AST está presente em:

hepatócitos,

células musculares esqueléticas e cardíacas,

hemácias.


📍Portanto, o AST não é uma enzima específica do fígado. E, assim como para a ALT, a mensuração de CK faz-se necessária (Atenção para a meia vida mais curta da CK quando comparada a meia vida da AST).


🐶🐱Em cães e gatos, a atividade AST, geralmente, aumenta em paralelo à atividade da ALT, mas a magnitude do aumento pode ser menor. E, apesar de ser menos específico que ALT, pode ser mais sensível.

🐴🐮Em cavalos e ruminantes, a AST é frequentemente usada para a detecção de lesões hepáticas, já que a concentração de ALT dos hepatócitos é baixa.



🚨Doenças hepáticas inflamatórias crônicas podem resultar em "crises" periódicas de aumento da atividade da ALT e AST.

📍Além disso, se a doença hepática for grave e a massa hepática diminuir acentuadamente, pode haver poucos hepatócitos restantes para resultar em aumento acentuado.


💉Para mais informações sobre o universo da patologia clínica, siga nosso perfil!!!


#patologiaclinicaveterinaria #patoclinica #figado #lesaohepatica #insuficienciahepatica #caes #enzimashepaticas #ALT #AST #TGO #TGP

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Nosso endereço:

Av. Miguel Perrela, 330, sala 201 e 202, Castelo,

Belo Horizonte - MG | CEP: 31330-290

Telefone:
whatsapp-logo-icone.png
E-mail:
ra.png

Desenvolvimento
Copyright Â©

​